Diferença entre manteiga e margarina

Você sabe qual é a diferença entre manteiga e margarina?Se você gosta de manteiga em sua batata assada, torrada ou macarrão, provavelmente nunca sentiu culpa ao colocar essa pastinha dourada em seu prato. Ou pior, você pode se sentir confuso sobre se você deve ficar com manteiga ou trocar pela margarina.

O começo do perigo

A manteiga ficou sob o crivo de uma severa análise quando seus altos níveis de gordura saturada foram associados ao aumento do risco de doença cardíaca. Muitas pessoas aceitaram deixar a manteiga de lado, aceitando a perda de seu tradicional sabor, mas concordando que seu efeito nocivo para o coração poderia ser um preço muito alto a se pagar.

Os consumidores entenderam que a margarina seria a opção mais saudável, como sugeriram pesquisadores e nutricionistas. Mas, depois, os perigos da margarina surgiram. Seus altos níveis de gorduras trans, acompanhados pelo risco de doenças cardíacas ao aumentar os níveis de LDL (colesterol ruim) e baixar os níveis de HDL (colesterol bom) deixaram muitas pessoas se sentindo traídas ou enganadas.

A verdade é que nunca houve nenhuma evidência de que usar margarina ao invés de manteiga cortaria as chances de ter um ataque cardíaco ou desenvolver doenças do coração. Fazer a mudança foi um palpite bem-intencionado dos estudiosos, já que a margarina tinha menos gordura saturada do que a manteiga, mas, negligenciava os perigos das gorduras trans.

Manteiga deve ser usada com moderação

Hoje, a questão da manteiga versus margarina é realmente falsa. Do ponto de vista da doença cardíaca, a manteiga está na lista de alimentos que devem ser usados com moderação, principalmente porque é rico em gorduras saturadas, o que aumenta agressivamente os níveis de LDL.

Margarinas são ricas em gorduras trans

Margarinas, porém, não são tão fáceis de classificar. As margarinas mais antigas, que ainda são amplamente vendidas, são altas em gorduras trans e são piores para você do que a manteiga. Algumas das margarinas mais recentes, que são baixas em gorduras saturadas, com alto teor de gorduras não saturadas e sem gorduras trans, são boas desde que não sejam usadas demais, mas ainda são ricas em calorias.

Compare sempre os rótulos

Você pode comparar rapidamente o valor de saúde das pastas (incluindo manteiga e margarina) simplesmente observando os rótulos nutricionais desses produtos. A Food and Drug Administration (FDA), agência Federal do Departamento de Saúde e Serviços Humanos dos Estados Unidos, agora, exige rótulos de nutrição para incluir informações sobre gorduras saturadas e gorduras trans. O objetivo é limitar a ingestão de gorduras saturadas e evitar as gorduras trans por completo.

Alternativas saudáveis

Alternativas mais saudáveis ​​para a manteiga ou para a margarina incluem o azeite e outros produtos à base de óleo vegetal, que contêm gorduras mono e polinsaturadas benéficas. Da próxima vez que você rasgar um pedaço de pão, considere mergulhar no azeite ao invés de passar manteiga sobre ele.

Se você está tentando diminuir seu colesterol, as pastas baseadas em estanol, substância presente em alguns vegetais, são ainda melhores, uma vez que o uso regular pode ajudar a baixar os níveis de colesterol LDL.

Diferença entre manteiga e margarina
Avalie esta postagem